Fale Whatsapp

ESMAC PERGUNTA SOBRE O CORONAVÍRUS

 em ESMAC In Dica, Graduacao, Noticias, Vestibular
Compartilhar

A coluna ESMAC IN DICA perguntou ao Professor do Curso de Biomedicina da Escola Superior Madre Celeste  Akim Nobre, sobre o novo coronavírus. O Brasil registra 11 casos sob investigação, de acordo com dados do Ministério da Saúde, sendo que já houve 44 casos suspeitos desde o começo dos alertas.O Professor Akim Nobre é Biomédico, PhD em Doenças Tropicais pelo Núcleo de Medicina Tropical da Universidade Federal do Pará, Membro Titular da Academia Paraense de Biomedicina e Revisor Científico do Brazilian Journal of Infectious Diseases.

O Professor gravou em seu canal no youtube, no último dia 29 de janeiro sobre o coronavírus. Acompanhe e siga o canal Virologia e Muito Mais.

Akim Nobre publicou artigo sobre o coronavírus para a Revista Pan-Amazônica de Saúde no ano de 2014.  CORONAVÍRUS

Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa. (Ministério da Saúde/2020).

O surto do novo coronavírus, 2019-nCoV começou em dezembro na cidade chinesa de Wuhan, matou até agora mais de mil pessoas, e, infectou outras 40 mil.

Além da China, a variante do vírus já chegou a países como os Estados Unidos, Austrália, Japão, França, Alemanha e a lista só aumenta a cada dia,  segundo a Organização Mundial da Saúde.1. Existe um perigo real de disseminação do vírus no Pará?

Qualquer local do mundo está sujeito ao processo de disseminação do vírus, o que inclui os municípios paraenses também. No entanto, para que ocorra a efetiva propagação do patógeno, é necessário o contato direto com indivíduos infectados e/ou com histórico de viagem aos locais que já relataram a circulação do 2019-nCoV.

2. O que é considerado um caso suspeito?

Todo indivíduo que apresentar sintomas como febre, tosse, dificuldade respiratória e relato de contato prévio com pessoas que viajaram para locais com casos confirmados, devem ser considerados suspeitos.

3 . Qual a diferença entre a gripe e o coronavírus?

A gripe é um processo patológico (doença) causado pelo vírus Influenza, enquanto que o coronavírus é um agente infeccioso capaz de ocasionar síndrome respiratória grave, sendo mais perigoso para os grupos de risco como gestantes e idosos.

4 . Qualquer hospital pode receber esse paciente?

Como estamos falando de um agente infeccioso com alta capacidade de circulação entre seres humanos, os hospitais mais indicados para a admissão de casos suspeitos são os que possuem um setor rigoroso de isolamento/quarentena.

5 . Por quanto tempo a doença pode ficar incubada?

De acordo com dados publicados na literatura científica, o período de incubação do vírus pode chegar a até 14 dias.

6 . Qual exame detecta essa doença?

O exame mais indicado para confirmar a infecção é a PCR em tempo real para 2019-nCoV. Este teste é capaz de identificar a presença do material genético do agente infeccioso na amostra biológica do paciente.

7 . Quais cuidados os profissionais de saúde devem ter ao entrar em contato com suspeito?

Utilizar os equipamentos de proteção individual e coletiva ao contato com indivíduos suspeitos; evitar permanecer por muito tempo em ambientes fechados com indivíduos que estejam tossindo ou espirrando; lavar sempre as mãos e utilizar álcool em gel sempre que tocar em superfícies de manuseio coletivo (ônibus, corrimões).

8 . Dicas simples de prevenção à infecção pelo coronavírus?

Utilizar as instruções descritas acima e sempre buscar informações de fontes científicas e fidedignas para se atualizar e poder orientar outras pessoas ao redor. Informação precisa, salva vidas!Quer estudar com o Professor Akim Nobre no curso de Biomedicina? A Faculdade ESMAC inscreve para o vestibular agendado até dia 19/02/2020, ofertando 13 cursos de graduação com excelência na área da saúde.

Para além da graduação, a ESMAC trabalha um extenso Programa de Pós- graduação Lato Senso com cursos de especialização  aos profissionais da área.  Entre em contato pelo telefone e whatsApp 91 99288 8240 e saiba mais sobre a Faculdade ESMAC.

Texto e fotografia: Lucy Silva

Imagem: Divulgação.

Comentários

Comentários

Veja Também...

Digite uma palavra-chave e pressione ENTER para buscar