Fale Whatsapp

ESMAC inaugura novo espaço de leitura

 em Noticias
Compartilhar

Na noite desta sexta-feira (02), a Biblioteca Iranilse Pinheiro da Esmac reuniu professores, alunos e grandes mestres da leitura para uma roda de conversa com o tema “A importância da biblioteca na vida acadêmica”. O bate papo marcou a inauguração do novo espaço de leitura da biblioteca, que recebeu o nome “Salão de Leitura Amintas Pinheiro” e apresentou  às novas plataformas de pesquisa e acervos totalmente revitalizados à comunidade acadêmica.

 Iniciando a roda de conversa, o ilustre convidado Dr. Silvio Holanda, professor da Universidade Federal do Pará, lembrou que ele  é fruto da educação pública e da escassez de um espaço de leitura bom que reúna, assim como a ESMAC, bons livros, revistas, jornais e demais meios de pesquisa. Ele também ressaltou que muitos alunos da rede pública ainda sofrem com a falta de espaços físicos que proporcionem a mediação da informação. “A biblioteca dentro de um ambiente acadêmico ou escolar é de fundamental importância.  Oferece um universo de conhecimento por meio dos livros e oportuniza ao cidadão leitor o aprimoramento do conhecimento e aprendizado para a vida”, lembrou.

Dando seguimento ao debate, a Diretora Geral da ESMAC, Professora Nilse Pinheiro, falou da inauguração dessa nova área, que para ela “representa uma importante conquista”. A Prof.ª destacou que a meta para os próximos anos é ampliação anual do acervo bibliográfico. “Uma biblioteca é um instrumento de desenvolvimento para a formação humana, tendo em vista que é o lugar que promove o encontro entre leitores e leituras. Tenho certeza que o novo espaço que recebe o nome do meu marido servirá de grande ponto de estudo para todos que frequentam a ESMAC, todos irão se sentir parte fundamental desse espaço que hoje está maior e mais confortável para a leitura e para uma boa pesquisa por meio da plataforma de E-book, nosso novo instrumento de pesquisa. Com essa nova ampliação, não é só a ESMAC que ganha, mas todo o município de Ananindeua, visto que os munícipes de Ananindeua não possuem uma biblioteca pública. Hoje, a ESMAC dispõe de uma excelente infraestrutura de espaço e novas tecnologias”, finalizou.

O homenageado da noite professor Amintas, não escondeu o sentimento de felicidade e lembrou da alegria que sentiu ao saber que a bibliotecária Mariana Araújo havia escolhido homenageá-lo, fazendo assim um “casamento de ternura”, já que a biblioteca leva o nome de sua esposa. “A biblioteca, além de ser um espaço de leitura, é um espaço de sonhos, estou imensamente feliz”, disse.

                                                                                                             

   

A bibliotecária Mariana Araújo, agradeceu todo empenho dos diretores da instituição e parabenizou todos que de forma direta ou indireta contribuíram para criação desse novo espaço, que servirá para troca de conhecimento tanto para a comunidade interna, quanto para a externa. No final, a profissional lembrou da célebre frase do escritor Monteiro Lobato: “Um país se faz com homens e livros”.

A roda de conversa contou ainda com a presença de Haroldo dos Anjos (representando Ana Claudia Hage) da Seduc; da acadêmica de Direito da ESMAC,  Silvana Marques, representando os alunos; da Delegada da Escola Superior de Advocacia – ESA – OAB/PA e professora da ESMAC, Adriana Maia; e como mediador, o professor Ilton Ribeiro.

 

Salão de Leitura:

     

     

Texto: Rita Martins

FOTOS: Dantas

Comentários

Comentários

Veja Também...

Digite uma palavra-chave e pressione ENTER para buscar