Fale Whatsapp

Novembro Azul incetiva homens no cuidado com a saúde

 em Noticias
Compartilhar

Nesta quarta-feira (01/11), se deu a abertura da campanha “Novembro Azul” no auditório de Práticas Jurídicas da Escola Superior Madre Celeste (ESMAC). A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa),  por meio da Coordenação Estadual da Saúde do Homem, vinculada a Diretoria de Políticas de Atenção Integral à Saúde, esteve presente para falar das políticas nacionais da atenção integral à saúde do homem.

A campanha “Novembro Azul” tem por finalidade sensibilizar a sociedade, em especial, os homens, para atenção às doenças masculinas, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata. Pesquisas do Ministério da Saúde mostram que, do total de pessoas entre 20 e 59 anos que morrem no país, 68% são do sexo masculino. Já de acordo com o IBGE, os homens vivem, em média, sete anos a menos do que as mulheres. Para amenizar tal situação é que desde 2009, por meio da criação da Política Nacional de Saúde do Homem, as secretarias municipais e estaduais de saúde estão adotando estratégias para fazer com que homens se tornem inseridos na atenção básica, a título de prevenção para complicações que podem comprometer a qualidade de vida.

A diretora Geral da ESMAC, Prof.ª Nilse Pinheiro, esteve presente na abertura da campanha e reforçou em sua fala a importância dessa política em fazer com que os homens se aproximem mais das unidades básicas de saúde, para um cuidado preventivo. “Os homens de nossa sociedade ainda estão engessados ao velho costume de só procurar o serviço de saúde quando são acometidos por alguma doença, e o ‘Novembro Azul’ vem para reforçar e orientar que é preciso prevenir”, ressaltou  a professora.

O coordenador estadual de Saúde do Homem, Carlos Sales Júnior, orientou as formas de cuidado que o homem precisa ter e enfatizou que a adesão à campanha nacional “Novembro Azul” é um resgate de um conjunto de esforços que acontece ao longo do ano, com enfoque na mudança do estilo de vida, contra o sedentarismo e a obesidade. “Dieta balanceada, exercícios físicos e exames periódicos são formas de prevenção”, explicou Carlos Sales.

O evento contou com a presença da Secretária Adjunta de Saúde do Estado, Dra. Heloísa Guimarães, professor mediador da abertura, William Borges, e com o diretor de Planejamento da diretoria técnica da Secretaria de Saúde de Ananindeua (SESAU), Moises Vaz, também representando a secretária do municípior .

Ainda durante o evento, foram sorteados brindes aos inscritos.

Texto: Rita Martins

Fotos: Gerson Magno

 

Comentários

Comentários

Veja Também...

Digite uma palavra-chave e pressione ENTER para buscar